Além do cachorro-quente: gourmetização chega ao Lollapalooza com quitutes assinados por chefs

  • Por Jovem Pan
  • 29/03/2015 18h47
Amanda Garcia/Jovem Pan

Tendência dos “coxinhas” em São Paulo, a gourmetização chegou ao festival Lollapalooza, que acontece no autódromo de Interlagos. Se em shows comuns o cardápio se resume à pipoca ou, no máximo, ao cachorro-quente, o evento aposta em pratos assinados por chefs renomados.

Prova disso é a área “Chef Stage”, que conta com diversas tendas que oferecem desde tacos e sanduíches a opções requintadas, como picadinho francês. Como o local é coberto, já atrai muitas pessoas que buscam se proteger da chuva ou apenas um lugar para sentar e aproveitam para provar algo diferente.

O preço, obviamente, acompanha o viés gourmet da coisa e é naturalmente mais salgado. Outra opção diferenciada está nos foodtrucks distribuídos no caminho entre os palcos. Também com culinária inusitada, há pratos com influência mexicana, japonesa e italiana.

Para quem não quer arriscar, vendedores ambulantes passam com os tradicionais pasteis, hotdog e pipoca.

Se engana quem pensa que os clássicos são esquecidos: a disputa entre o requinte e o já conhecido é bastante acirrada.