David Bowie rejeitou colaborar com Coldplay em canção por não ser “muito boa”

  • Por Jovem Pan
  • 20/01/2016 14h01
Atlas

O lendário músico britânico David Bowie, que morreu no dia 10 de janeiro, rejeitou um convite do Coldplay para colaborar em uma música, ao considerar que a faixa não “era muito boa”.

Assim reconheceu o bateria do grupo britânico, Will Champion, à revista musical NME, ao lembrar a figura do influente artista, que morreu aos 69 anos, provocando reações de tristeza por todo o mundo.

Champion afirmou que quando perguntou ao músico londrino se ele colaboraria com eles em um de seus temas, cujo nome não revelou, mas que, aparentemente, tinha “um personagem do tipo de Bowie”, o camaleônico artista não aceitou a oferta.

Segundo o baterista do Coldplay, o cantor e líder do grupo inglês, Chris Martin, enviou uma carta a Bowie, na qual pedia que se envolvesse nessa canção, a quem o artista respondeu, para justificar sua recusa: “Não é uma canção muito boa, não?”.

Longe de causar um desconforto pela reação, os integrantes do Coldplay levaram a situação na boa. “Era muito inteligente. Não colocava seu nome em qualquer coisa. Ele tem méritos por isso”, apontou Champion.

O baterista do Coldplay também destacou a relevância do cantor no contexto musical. “Quando se está envolvido na música de alguma maneira, ele era um dos pontos de referência de absolutamente tudo, tanto quanto a gêneros, como sobre como ser uma estrela do rock ou do pop”.

“Me senti muito triste quando soube que David Bowie tinha morrido”, disse o guitarrista Jonny Buckland a essa mesma publicação.