Jovem Pan

Mais um ator de ‘Smallville’ assume envolvimento com seita sexual

O ator Callum Blue, conhecido por viver o General Zod em “Smallville”, admitiu que participou de reuniões do culto NXIVM. Allison Mack, que viveu Chloe Sullivan no programa, responde na Justiça acusações de tráfico sexual e recrutamento de mulheres para trabalhos forçados para a seita comandada por Keith Raniere.

As declarações de Blue constam na prévia da entrevista que será exibida no E! True Hollywood Story, programa da TV americana, no dia 6 de outubro. No vídeo, o ator revela que não teve contato com a seita por intermédio de Mack, mas sim por conta própria.

“Eu estava no auge da minha popularidade e vivenciei alguns traumas. Meu pai cometeu suicídio e eu continuei trabalhando e me perdi no caos de Hollywood. Então me abri em busca de respostas”, afirmou Blue.

Segundo o ator, sua busca por novos caminho o levou ao workshop “Executive Success Program” (“Programa Executivo de Sucesso”). O grupo responsável pelas palestras fazia parte da NXIVM e o treinamento era considerado o primeiro contato com a seita.

O E! True Hollywood Story também exibirá o depoimento de outra participante do workshop, que afirma ter visto Callum Blue no primeiro encontro que participou com sua filha.

As declarações do ator acontecem pouco antes do anúncio da pena da atriz Allison Mack. Em abril, ela se declarou culpada das acusações de crime organizado e de conspiração para crime organizado, mas ainda responde outras relacionadas a tráfico sexual, roubo de identidade e lavagem de dinheiro.

Mack era considerada braço direito de Keith Raniere, criador e líder da seita, mas classificou que todos os seus atos durante o culto derivaram de “lavagem cerebral”.