Embolou! Veja como fica a situação da Seleção Brasileira e de seus rivais para a rodada decisiva

  • Por Jovem Pan
  • 22/06/2018 19h45 - Atualizado em 22/06/2018 20h03
EFENeymar marcou pela primeira vez na Copa do Mundo da Rússia nesta sexta-feira

Das quatro seleções do grupo do Brasil na Copa do Mundo, apenas a Costa Rica não tem mais chances de se classificar para as oitavas de final após a disputa da segunda rodada de jogos. Além dos comandados de Tite, Suíça e Sérvia seguem vivas na briga pelas duas vagas da chave no mata-mata do Mundial.

A rodada decisiva do grupo será disputada na próxima quarta-feira (27), às 15 horas. Em Moscou, a Seleção Brasileira, que está na liderança da chave com quatro pontos, encara a Sérvia, que tem três. A Suíça, que também possui quatro pontos, mas está atrás no saldo de gols, vai pegar a seleção costa-riquenha em Nizhny Novgorod.

Os classificados da chave E vão enfrentar na próxima fase as seleções do grupo F, que conta com o México e Suécia, ambos com três pontos conquistados, Alemanha e Coreia do Sul, que ainda não pontuaram. Pelo chaveamento, o primeiro colocado do grupo E joga contra o segundo do F, enquanto o primeiro do F enfrenta o segundo do E.

A Jovem Pan apresenta os cenários para a última rodada:

Brasil

Na liderança da chave com quatro pontos, o Brasil garante a classificação com um simples empate. Mas, para ficar com a primeira colocação, a Seleção Brasileira precisa vencer a Sérvia e torcer por um tropeço da Suíça contra a Costa Rica, ou que os suíços não tirem a vantagem verde e amarela no saldo de gols. No momento, são dois gols contra um de saldo.

Philippe Coutinho, de bico, abre o caminho para a primeira vitória do Brasil na Copa do Mundo

Se vencer a Sérvia e a Suíça tropeçar diante da Costa Rica, o Brasil garante a classificação e a liderança. Já se empatar com a Sérvia, o Brasil vai precisar de um tropeço da Suíça para assegurar a primeira posição da chave. E em caso de derrota para a Sérvia, a Seleção Brasileira dependeriam de uma derrota da Suíça para a Copa Rica pela mesma diferença de gols.

Suíça

Assim como o Brasil, a Suíça tem quatro pontos e precisa de apenas um empate para se classificar. Mas, caso os europeus queiram buscar a liderança do grupo, eles terão que vencer a Costa Rica e torcer para o Brasil tropeçar diante da Sérvia ou conseguir superar a diferença no saldo de gols em seu último compromisso. No momento, é um contra dois gols de saldo.

Sérvia

Terceira colocada da chave com três pontos, a Sérvia avança ao mata-mata da Copa do Mundo se vencer o Brasil, independente do placar. Para assumir a liderança, precisaria conquistar três pontos e torcer por um tropeço suíço. Já se empatar com o Brasil, os sérvios alcançariam a vaga apenas em caso de vitória da Costa Rica sobre a Suíça por dois gols de diferença.

Kostic e Schär disputam jogada em Sérvia x Suíça