Neymar pode não ser o 1º: relembre 10 jogadores que deixaram o Barça em busca de protagonismo

  • Por Jovem Pan
  • 28/07/2017 11h00 - Atualizado em 28/07/2017 11h26
Divulgação FCBCaso a negociação se concretize, Neymar não seria o primeiro craque a deixar o Barcelona para vestir a camisa de outro grande clube europeu

Desde quando apareceu para o futebol, em 2009, Neymar sempre gostou de ser o protagonista. As arrancadas, os belos dribles e os gols o credenciaram para tal. Mas, em 2013, quando trocou o Santos pelo Barcelona, o brasileiro se viu obrigado a dividir os holofotes com outro craque, o argentino Lionel Messi. E isso parece incomodar o atacante.

Apesar de nunca ter reclamado publicamente, a possível ida para o Paris Saint-Germain indica que Neymar não esteja tão feliz no Barcelona. A possível troca pelo clube francês evidência a sua obsessão por ser o número 1 dos times que defende e, também, a sua busca pelo prêmio de melhor jogador do mundo.

Se concretizar a negociação, a saída do brasileiro será lamentada pelos torcedores do Barcelona. No entanto, essa não seria a primeira vez que o clube catalão perderia um craque para outro grande europeu. Nos últimos anos, muitas estrelas deixaram o Barça para vestirem outras camisas em busca de mais espaço e sucesso. A Jovem Pan relembra 10 nomes. Confira:

Ronaldo Fenômeno

Contratado junto ao PSV, da Holanda, em 1996, Ronaldo ficou apenas uma temporada no Barcelona. Tempo suficiente para marcar seu nome na história do clube catalão. Marcou 47 gols em 49 jogos e foi eleito o melhor jogador do mundo. Em 1997 deixou o clube e foi para a Internazionale de Milão, onde brilhou e foi eleito o melhor do mundo novamente.

Arquivo FCB

Sonny Anderson

Artilheiro do Campeonato Francês, Sonny Anderson foi contratado para substituir o ídolo Ronaldo. Apesar da pressão da torcida e da perseguição do técnico holandês Louis Van Gaal, o atacante ficou duas temporadas na Catalunha, marcando 21 gols. Em 1999 acabou deixando o Barça e foi para o Lyon, onde deu início a sua hegemonia no futebol francês.

Luís Figo

Um dos grandes nomes do Barcelona na década de 90 junto com Ronaldo e Rivaldo, o português Luís Figo deixou o clube catalão em 1999 seduzido pela grana do rival Real Madrid. Na capital espanhola, perdeu a idolatria que tinha junto à torcida Blaugrana, mas ganhou o prêmio de melhor jogador do mundo em 2001 e muitos títulos com os Galácticos.

Arquivo FCB

Patrick Kluivert

O atacante holandês Kluivert surgiu no Ajax em 1994. Depois de uma breve passagem pelo Milan, foi contratado pelo Barcelona em 1998. Jogando ao lado de seus compatriotas, brilhou com a camisa do clube catalão. Em 2003, perdeu espaço e acabou sendo negociado ao fim da temporada com o Newcastle, da Inglaterra, onde deu início a decadência em sua carreira.

Samuel Eto’o

O camaronês chegou a Catalunha em 2004 para substituir Kluivert. Em cinco anos, marcou 129 gols, marca que o deixou entre os 10 maiores artilheiros da história do Barcelona. Tricampeão espanhol e bi da Liga dos Campeões deixou o clube em 2009, indo para a Internazionale de Milão. A partir daí não conseguiu repetir o mesmo sucesso dos tempos de Barça.

Arquivo FCB

Zlatan Ibrahimovic

Depois de cinco anos brilhando no futebol italiano, Ibra mudou de ares e foi defender as cores do Barcelona. Chegou ao clube catalão em 2009, na troca com Samuel Eto’o. Apesar da boa média de gols (22 em 46 jogos), acabou sendo ofuscado por Lionel Messi, eleito o melhor do mundo. A contratação de David Villa, fez com que ele saísse do clube, indo para o Milan.

Thiago Alcântara

Revelado pelo Barcelona, Thiago Alcântara fez sua estreia em 2009. Na temporada 2010/2011 passou a ter mais chances entre os profissionais, tendo seu contrato renovado até 2015. No entanto, na temporada seguinte acabou sendo negociado com o Bayern de Munique, já que contava com uma concorrência muito grande em sua posição: Fàbregas e Iniesta.

Arquivo FCB

Alexis Sánchez

O chileno Alexis Sánchez foi contrato pelo Barcelona em 2011, após se destacar com a camisa da Udinese, no Campeonato Italiano. Com a camisa 9 do clube catalão marcou 47 gols em 141 partidas disputadas. Ofuscado por Messi acabou sendo negociado com o Arsenal em 2014, antes da chegada de Suárez. Na Inglaterra se tornou um dos principais atacantes da equipe.

Cesc Fàbregas

Com passagens pelas categorias de base do clube catalão, Fàbregas se profissionalizou na Inglaterra, vestindo a camisa do Arsenal. Em 2011, Barcelona o contratou e a expectativa em torno do meia era grande. Tão grande que não acabou sendo correspondida. Sem espaço no time que tinha Iniesta e Xavi, acabou saindo em 2014 rumo ao Chelsea.

Arquivo FCB

Pedro

O atacante Pedro surgiu no próprio Barcelona. Seu início foi arrasador, principalmente sob o comando de Pep Guardiola. No entanto, a partir da temporada 2013/2014, quando Gerardo Martino assumiu o Barça, o espanhol perdeu espaço, passando a condição de reserva dos récem-contratados Neymar e Suárez. Em 2015 foi contratado pelo Chelsea, onde atua até hoje.