Peru declara ponto facultativo por partida decisiva contra a Colômbia

  • Por EFE
  • 10/10/2017 11h16
EFECentenas de torcedores acompanharam, na última quinta-feira, o empate do Peru com a Argentina

O governo do Peru declarou ponto facultativo a nível nacional para o setor público a partir das 16h desta terça-feira (10) para facilitar as medidas de segurança da partida da seleção peruana contra a Colômbia em Lima, pela última rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018.

A decisão governamental foi publicada em boletim especial e detalhou que as horas não trabalhadas serão compensadas na semana seguinte ou quando cada órgão público determinar. De acordo com o governo, o setor privado poderá acatar à decisão mediante um acordo prévio entre empregador e funcionário.

A norma detalha que a partida entre Peru e Colômbia, que será disputada às 18h30 (hora local; 20h30 em Brasília), “monopolizou a total atenção da sociedade peruana” e que a Polícia Nacional e as autoridades devem adotar “medidas de segurança para manter a ordem e a segurança a nível nacional”.

Cerca de 1,5 mil policiais se encarregarão da segurança no Estádio Nacional de Lima e arredores antes, durante e após a partida, na qual a seleção do Peru tentará acabar com um tabu de 36 anos sem se classificar para uma Copa do Mundo contra a Colômbia, que está quase certa no torneio.