Sem marcar há 12 jogos, Rodrygo vive maior jejum de gols pelo Santos

  • Por Jovem Pan
  • 26/10/2018 16h15
Ivan Storti/Santos FCDiante do Internacional, na última segunda, Rodrygo completou 12 jogos sem marcar pelo Santos

Considerado um dos principais nomes do Santos, Rodrygo pode não estar tendo atuações questionáveis com a camisa do Peixe, mas o atacante de 17 anos vive seu maior jejum de gols desde quando estreou pelos profissionais. Ao todo, são 978 minutos sem nenhuma bola nas redes adversárias.

Vice-artilheiro do Santos na temporada com 10 gols marcados – Gabigol tem 24, Rodrygo marcou pela última vez na vitória por 3 a 0 sobre o Sport, na Vila Belmiro, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro, disputado no dia 18 de agosto. Desde então o atacante passou em branco nas 12 partidas seguintes do Peixe.

O camisa 9 santista não balançou as redes nos confrontos contra o Independiente, pelas oitavas de final da Libertadores da América, Bahia, Vasco, Grêmio, Paraná, São Paulo, Cruzeiro, Vasco, Atlético-PR, Vitória e Internacional, estes últimos jogos válidos pela competição nacional de pontos corridos.

Curiosamente, neste período de “seca”, o atacante foi anunciado como reforço do Real Madrid, que pagou 45 milhões de euros, aproximadamente R$ 193 milhões na época, para contar com o jogador a partir de julho do ano que vem. Até lá Rodrygo segue no Peixe e terá muitas oportunidades de voltar a balançar as redes adversárias.

A primeira pode ser neste sábado (27), às 16h30min, na Vila Belmiro, diante do Fluminense, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. A tendência é que o camisa 9 siga entre os titulares do Peixe, jogando ao lado de Bruno Henrique e do artilheiro Gabigol. O duelo é importante para o Santos, que sonha com uma vaga na próxima edição da Libertadores da América.