Rogério Ceni responde a Leco com ironia e faz alerta a Raí

  • Por Jovem Pan
  • 23/04/2018 15h12
São Paulo/ DivulgaçãoCeni esteve no CT do São Paulo na semana passada

Apesar de ser técnico do Fortaleza desde o começo do ano, Rogério Ceni ainda fala bastante sobre o São Paulo. Nesta segunda-feira (23), ele teve que responder ao presidente do tricolor, Leco, que o provocou recentemente. Em entrevista à Espn, o ex-goleiro deu o troco com ironia e deixou um alerta a Raí, atual diretor de futebol do time.

Durante a apresentação de Everton, na semana passada, Leco disse que Raí é “indiscutivelmente” o maior ídolo do São Paulo. É uma questão polêmica, afinal muitos são paulinos acreditam que este posto é de Rogério Ceni.

E o técnico respondeu, dando a entender que Raí, apesar do elogio de Leco, também pode ser demitido e criticado pelo presidente futuramente: “acho que o presidente tem saudades de mim. Ele gostava de mim, mas as pessoas deixam de gostar dos outros quando o resultado não vem. Espero que ele continue gostando do Raí como ele gostava de mim. Quando os resultados não vêm, as pessoas deixam de gostar de você”.

Como técnico do Fortaleza, Rogério Ceni é líder da Série B, após duas rodadas. Um dos destaques do time é o centroavante Gustavo, que foi muito criticado no Corinthians. O treinador falou sobre como recuperou o jogador: “vi no Gustavo um jogador com cabeceio acima da média, boa impulsão, movimento bom, dentro da área ele é muito perigoso. Fora da área ele não faz a mesma diferença que outros jogadores têm. Acho que ele é feliz aqui, e a pessoa quando está feliz consegue tudo”.

Além de treinar o Fortaleza e acompanhar o São Paulo, Ceni também está de olho em outros jogos: “Brasileirão vejo quase tudo, vi Grêmio x Atlético-PR, para mim o melhor jogo do Campeonato Brasileiro até o momento, vi também o grande Napoli vencer a Juventus. Acabo acompanhando de tudo, aprende-se muito vendo futebol. Grêmio e Atlético-PR com sistemas diferentes, mas parecidos, porque ambos gostam de jogar com a bola. É legal aprender e ver o que é possível encaixar em seu time na medida do possível.”, disse ele na mesma entrevista.