Argentina morre e rapaz fica desaparecido após queda de penhasco em Palhoça

  • Por Agencia EFE
  • 27/01/2014 16h48

São Paulo, 27 jan (EFE).- Uma turista argentina morreu ao cair de um penhasco em uma das praias de Palhoça, na região metropolitana de Florianópolis, enquanto seu companheiro continua desaparecido, informaram nesta segunda-feira as autoridades.

O acidente ocorreu no domingo, dia no qual foi recuperado do mar o corpo de Vanina Soto, de 25 anos, afirmou à Agência Efe um porta-voz do Corpo de Bombeiros de Florianópolis.

Os trabalhos de busca pelo jovem desaparecido, Nahuel Aguera, de 22 anos, foram retomados nesta segunda-feira com submarinistas, o apoio de um helicóptero e de vários jet sky, segundo a mesma fonte.

De acordo com testemunhas citadas pelos meios de comunicação locais, o casal caminhava durante a tarde do domingo pelo costão da Guarda do Embaú, quando a mulher deslizou e caiu próxima a um ponto conhecido como “Buraco do Tambor”, quando seu companheiro se jogou ao mar para tentar resgatá-la. EFE