Ministro da Saúde da França diz que 2 pessoas são infectadas a cada segundo pela Ômicron no país

Olivier Véran defendeu passaporte da vacina e afirmou que são necessárias ‘medidas inéditas’

  • Por Jovem Pan
  • 29/12/2021 16h02
REUTERS/Gonzalo Fuentes covid-19; frança Variante Ômicron se espalhou pela França

O ministro da Saúde da França, Olivier Véran, alertou para os números da variante Ômicron e afirmou que mais de dois franceses são infectados a cada segundo no país. Véran defendeu o projeto de lei que exige o passaporte da vacina e afirmou que são necessárias medidas “inéditas”. O projeto de lei converte o atual passaporte de saúde em passaporte de vacinação, obrigando as pessoas a se vacinarem para irem a bares, restaurantes, bibliotecas, instalações esportivas ou meios de transporte. Até agora, uma pessoa não vacinada poderia fazer tudo isso apresentando um teste negativo. Na França, pouco mais de 78% da população – incluindo menores – recebeu pelo menos uma dose da vacina. Véran também comentou o relatório diário da covid-19 divulgado hoje, com um recorde de 208 mil casos, superando o número de ontem, de quase 180 mil. “Olhando para esses números, fico tentado a dizer que estamos no meio de um tsunami. São números vertiginosos”, disse.

*Com informações da EFE