PF começa a utilizar sistema eletrônico de leitura de passaportes no aeroporto de Guarulhos

  • Por Jovem Pan
  • 25/09/2014 16h19

A Polícia Federal começou a testar um sistema eletrônico de leitura de passaportes para agilizar a entrada e saída de passageiros no aeroporto de Guarulhos. O dispositivo, chamado de e-gate, faz a leitura do documento e, posteriormente, o reconhecimento facial do viajante para liberar a imigração ou emigração.

Com a nova medida, que valerá somente para brasileiros, o procedimento de leitura dos passaportes será feita em apenas 20 segundos. Mas o sistema só estará disponível para os passageiros que já possuem o novo passaporte com chip. De acordo com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, o novo equipamento deverá ajudar a reduzir as filas no aeroporto.

“A ideia é de que esse seja um modelo. Modelo que possa ser levado para todos aeroportos do país. Ele dá rapidez, dá segurança à Polícia Federal, ele permite dar um atendimento de primeira linha como poucos países têm no mundo a todos que circulam pelas vias dos aeroportos”, disse o ministro, que classificou a atitude como um “novo estágio” da vida aeroportuária do Brasil.

Ao todo são 16 equipamentos, sendo que nove foram instalados no terminal 3 e sete no terminal 2. Os E-gates estarão disponíveis somente para passageiros com mais de 18 anos e foram adquiridos pela concessionária GRU Airport que administra o terminal de Guarulhos.