Ministério da Defesa pede que TSE divulgue propostas das Forças Armadas para as eleições

Sugestões foram apresentadas à Comissão de Transparência das Eleições; pasta alega que o tema é de interesse público

  • Por Jovem Pan
  • 05/05/2022 14h17 - Atualizado em 05/05/2022 14h19
Fátima Meira/Futura Press/Estadão Conteúdo - 05/04/2022 O Ministro da Defesa Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira durante Treinamento Viking 22 no Comando Militar do Planalto Ministro Paulo Sérgio Nogueira pediu que TSE divulgue propostas

O Ministério da Defesa enviou um documento nesta quinta-feira, 5, ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Edson Fachin, solicitando a divulgação das propostas das Forças Armadas para as eleições. A informação foi divulgada com exclusividade no programa Headline News. O ofício, ao qual a Jovem Pan News teve acesso, é assinado pelo ministro Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira. As sugestões foram apresentadas pelas Forças Armadas à Comissão de Transparência das Eleições, criada pelo TSE para ampliar a fiscalização e transparência do processo eleitoral. No documento enviado à Corte, o Ministério da Defesa argumenta que veículos de imprensa e parlamentares solicitaram acesso às propostas, mas tiveram o pedido negado pelo Tribunal.

“Com a finalidade de cumprir obrigação legal e de conferir a maior transparência possível aos atos da gestão pública e em face da impossibilidade de ver concretizada a reunião solicitada por esse ministro a Vossa Excelência, venho, por meio deste expediente, propor a esse Tribunal que os documentos sejam amplamente divulgados conjuntamente pelo Ministério da Defesa e por essa Corte Eleitoral, haja vista o amplo interesse público no tema”, diz o documento. O ministro afirmou ainda que as Forças Armadas tem compromisso “em contribuir no que for necessário para a paz e para a segurança do pleito eleitoral”.