Denise: Petrobras aumenta em 4% preço da gasolina após alta do dólar

  • Por Jovem Pan
  • 27/11/2019 10h00
LUCAS LACAZ RUIZ/ESTADÃO CONTEÚDOO combustível, no entanto, acumula alta de apenas 0,59% no ano nas refinarias

Em meio a alta contínua do dólar, a Petrobras elevou, nesta quarta-feira (27), o preço da gasolina nas refinarias em 4% – atingindo, assim, cerca de R$ 1,91 por litro. Essa é a segunda alta do combustível em pouco mais de uma semana.

O aumento da pressão na moeda americana faz com que a estatal tenha que promover reajustes, uma vez que, se não o fizer, ela acaba trabalhando com defasagens, o que pode comprometer a situação financeira da empresa. Além da relação com o dólar, o aumento no preço do combustível também está diretamente relacionado com o valor do petróleo no mercado internacional.

Apesar da elevação, no entanto, a Petrobras tem conseguido manter o preço da gasolina bem comportado desde o começo do ano, com variação de apenas 0,59% nas refinarias. Nos postos, desde a semana passada, a variação foi de 0,14%.

Diesel

Apesar do aumento da gasolina, o diesel permaneceu intacto. Isso porque o governo está apreensivo em relação ao combustível, que já sofre alta acumulada de 7,5% neste ano e pode desagradar ainda mais os caminhoneiros, que já estão reclamando da tabela do frete. Por isso, a questão é delicada e a gestão atual tenta evitar problemas com a categoria.