Josias de Souza: Bolsonaro criou o ‘ocultador premiado’

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2020 07h46 - Atualizado em 29/05/2020 07h52
Flickr/Palácio do PlanaltoO presidente afirmou que o nome do PGR seria o "terceiro" na lista para o STF

Jair Bolsonaro elogia atuação do procurador-geral da República e diz que pode indicar Augusto Aras para o STF. O presidente afirmou que o nome do PGR seria o “terceiro” e que ele não será um dos dois nomeados nas vagas de Celso de Mello e Marco Aurélio Melo.

“Para facilitar o trabalho do Ministério Público, a legislação brasileira criou a figura do delator premiado — que troca delação por benefícios penais. O presidente Bolsonaro criou o personagem extra-legal: o ocultador premiado. O PGR que o presidente trata como um potencial engavetador a ser beneficiado com favores, no caso uma indicação para o Supremo.

O que diferencia o procurador de um engavetador é a curiosidade. O engavetador tem vontade inabalável de acreditar, o procurador tem o desejo de descobrir. Bolsonaro constrange Augusto Aras cada vez que insinua que pode premiá-lo se ele ficar demonstrado que sua crença de engavetador é mais forte que sua desconfiança de procurador.”