Marcelo Madureira: O que temos hoje não é diferente do que Graciliano Ramos expôs em Vidas Secas

  • Por Jovem Pan
  • 27/08/2018 11h39
DivulgaçãoO que temos hoje não é muito diferente. É pobreza enquanto os ricos se refestelam às custas das verbas públicas enviadas ao Nordeste

O extraordinário livro Vidas Secas, de Graciliano Ramos, completa 80 anos. A obra-prima narra a vida do sertanejo exposto a seca e ao coronelismo. Muito mais que 80 anos vive assim o nordestino. O que temos hoje não é muito diferente. É pobreza enquanto os ricos se refestelam às custas das verbas públicas enviadas ao Nordeste.

Confira o comentário completo de Marcelo Madureira: