Eleitoralmente, Ana Amélia é a vice dos sonhos

  • Por Jovem Pan
  • 03/08/2018 07h39
Waldemir Barreto/Agência SenadoO tucano Geraldo Alckmin deve ter como vice a senadora Ana Amélia, do Partido Progressista, apontada por ele como a "vice dos sonhos"

Corrida eleitoral começa a ganhar contornos mais claros com a oficialização de chapas e candidatos.

Por enquanto, já há sete candidatos formalmente anunciados, mas esse número pode subir para 15 até o domingo, data final para as convenções partidárias.

Apesar de críticas internas, o MDB confirmou o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles como o nome do partido para disputar a Presidência da República.

Já a candidata da Rede, Marina Silva, agora tem um vice – o ex-deputado Eduardo Jorge, do Partido Verde.

O PSDB, que fará convenção amanhã, também está mais perto de fechar uma chapa, dependendo apenas de arranjos regionais.

O tucano Geraldo Alckmin deve ter como vice a senadora Ana Amélia, do Partido Progressista, apontada por ele como a “vice dos sonhos”.

“A hipocrisia é parte da política. Claro que Ana Amélia agrega muito mais que Josué Gomes. Ela é da região Sul, teve ação destacada no Senado, é influente no eleitorado feminino e agrega discurso mais duro que o discurso meio maria-mole de Geraldo Alckmin. Eleitoralmente, ela é a vice dos sonhos. Graças a Deus para Alckmin que Josué Gomes não aceitou. Por outro lado, Marina Silva busca um vice que é igual a ela, Eduardo Jorge”, diz Marco Antonio Villa.

Confira o comentário completo: