Marco Antonio Villa: RJ vive tempos de incompetência de agentes públicos

  • Por Jovem Pan
  • 10/04/2019 07h43
Ellan Lustosa/Estadão ConteúdoEvidentemente que a chuva foi muito forte, mas não há nenhum trabalho de prevenção

Rio de Janeiro sofre as consequências do maior temporal deste século. A cidade continua em estágio de crise, com ruas alagadas, deslizamentos de terra, muita destruição e 10 mortes já confirmadas.

“É uma tragédia terrível. Evidentemente que a chuva foi muito forte, mas não há nenhum trabalho de prevenção. A Prefeitura do RJ não gasta, nem aquilo que é pouco, para o que é destinado para a prevenção. São tempos de incompetência dos agentes públicos e gestores”, diz Marco Antonio Villa.

Confira o comentário completo: