Villa: Irã está mais forte hoje do que há uma semana

  • Por Jovem Pan
  • 09/01/2020 08h05
EFEEm pronunciamento na quarta-feira (8), o presidente dos EUA afirmou que vai atuar para impedir que o Teerã tenha armas nucleares

Donald Trump anuncia novas sanções contra o Irã e diz que país parece estar recuando. Em pronunciamento na quarta-feira (8), o presidente dos EUA afirmou que vai atuar para impedir que o Teerã tenha armas nucleares.

“Está muito cedo para fazer qualquer afirmação peremptória sobre quem ganhou e quem perdeu. Há uma calmaria que pode anteceder uma tempestade.

Por outro lado, a questão da construção da bomba atômica iraniana, caos os EUA bombardeie hipoteticamente algum local, isso vai gerar um conflito de proporções impossíveis de serem determinadas nesse momento.

A grande questão é que o Irã continua do mesmo jeito que estava: desenvolvendo seu programa nuclear de forma, talvez, muito mais eficaz e eficiente do que antes do assassinato de Qasem Soleinami. Hoje o Irã está muito mais forte do que há uma semana.

Por um lado porque hoje tem um governo de união nacional. Do outro, é no campo do desenvolvimento da bomba atômica. Hoje o Irã é a grande referencia dos muçulmanos na região.

O que podemos afirmar é que a tensão continua e isso é muito ruim para o mundo. Pensando em Brasil, é péssimo. Temos que manter uma posição de afastamento dessas posições.”