Villa: Justiça entrou na questão do Enem por incompetência do MEC

  • Por Jovem Pan
  • 28/01/2020 07h47 - Atualizado em 28/01/2020 08h02
ESTADÃO CONTEÚDOA Justiça Federal suspendeu o processo seletivo e determinou que o governo comprove que corrigiu todas as falhas na correção do Enem

AGU recorre aos STJ para liberar os resultados do Sisu. A Justiça Federal suspendeu o processo seletivo e determinou que o governo comprove que corrigiu todas as falhas na correção do Enem.

“A Justiça acabou entrando nessa questão tendo em vista a ineficácia e incompetência do MEC. Não entrou porque quis, não é que ela está interferindo no Executivo. Não é verdade, vocês estão acompanhado. É uma situação muito grave, vale destacar que o Enem envolve 4 milhões de alunos.

São 4 milhões de famílias que estão sem saber o destino dos seus filhos, para onde eles vão. Foi dito há 10 dias que foi o melhor Enem de todos os tempos. Não era verdade. A situação é muito difícil, complexa. E se não for resolvida logo, vai criar um enorme prolema no processo seletivo para esse ano.”