Constantino: Declarar calamidade por coronavírus marca mudança de tom do governo

  • Por Jovem Pan
  • 18/03/2020 07h43
ALEX SILVA/ESTADÃO CONTEÚDOA medida, com validade até 31 de dezembro, será adotada em razão da necessidade da elevação de gastos públicos para conter a pandemia

Governo irá ao Congresso pedir o reconhecimento de calamidade pública no país. A medida, com validade até 31 de dezembro, será adotada em razão da necessidade da elevação de gastos públicos para conter a pandemia.

“É uma medida necessária até por conta da lei de responsabilidade fiscal, então o governo está sendo precavido. E muda o tom. Isso vai de encontro com a mensagem tranquila — alguns chamam de irresponsável — do presidente que vinha chamando de “fantasia” ou “histeria”.

É um caso grave, está impactando o mundo todo e pode colapsar o sistema de saúde. Todo mundo está reagindo com medidas drásticas e recursos públicos — que são necessários para injetar alguma liquidez no sistema nesse momento.”