Constantino: Reformas ministeriais fazem parte do jogo

  • Por Jovem Pan
  • 13/02/2020 07h51
Antônio Cruz/ Agência BrasilAtual chefe do Estado maior do Exército, Walter Braga Netto foi convidado a substituir Onyx Lorenzoni -

General do exército deve assumir Casa Civil e deixar o Palácio do Planalto apenas com militares. Atual chefe do Estado maior do Exército, Walter Braga Netto foi convidado a substituir Onyx Lorenzoni — que pode ser remanejado para a Cidadania.

“Uma boa mudança. Reformas ministeriais, trocas, fazem parte do jogo. Após o primeiro ano do governo já passou uma curva de aprendizado. E o Onyx Lorenzoni foi um apoiador de primeiro hora do governo, mas não mostrou uma eficiência na questão da articulação e gestão da Casa Civil. Agora vem um militar que tem uma imagem de pessoa séria, respeitosa, discreta e acho que tem mais capacidade de entregar resultados.

Quanto ao Ministério da Cidadania ir para Onyx, parece uma espécie de prêmio de consolação. Não é o ideal em um governo que tem mostrado foco na meritocracia e na montagem de um Ministério eminentemente técnico, mas é uma pasta que precisava de troca. Até porque tinha envolvimento com algumas suspeitas de compras sem licitação que foram um tanto escandalosas. Nesse ponto, Lorenzoni tem confiança de Bolsonaro. Para isso ele pode oferecer um bom papel.”