Vera Magalhães – Jereissati pede coisas impossíveis: polêmicas suspensas e presidente calado

  • Por Jovem Pan
  • 12/08/2019 07h49
Gabriela Biló/Estadão ConteúdoTasso Jereissati pediu que o Governo evite pautas no Senado e declarações polêmicas de Bolsonaro nas próximas semanas

O relator da reforma da Previdência no Senado faz alerta para interferências do Planalto e pede que medidas polêmicas sejam suspensas nas próximas semanas. Em entrevista à Folha, o senador Tasso Jereissati declarou que a relação do Governo com o Congresso é “horrorosa” e que quanto mais calado Bolsonaro ficar, mais fácil a Previdência será aprovada.

“Jereissati está pedindo duas coisas impossíveis. Uma das medidas mais polêmicas vai chegar ao Senado nas próximas semanas, que é a formalização da indicação de Eduardo Bolsonaro para embaixador. Isso vai inflamar de vez o ambiente e contaminar a votação da reforma da Previdência. Quanto ao presidente ficar de boca fechada, nem o dentista conseguiu. Não há de ser o apelo de um senador, ainda mais da oposição, que vai fazer.”