Em colapso, Índia tem fogueiras improvisadas para cremar vítimas da Covid-19

Cidades adotam cremações em massa e a céu aberto; subnotificação de óbitos e falta de oxigênio preocupam

  • Por Jovem Pan
  • 27/04/2021 11h15 - Atualizado em 27/04/2021 11h15
EFE/EPA/IDREES MOHAMMEDEm um crematório de Bhopal, trabalhadores disseram ter cremado mais de 110 pessoas no sábado, enquanto dados do governo apontaram apenas 10 mortes

A Índia sofre efeitos devastadores por conta da pandemia de Covid-19. Com recordes diários de casos da doença há quase uma semana, a maioria dos hospitais passa por uma escassez de leitos, obrigando os doentes a serem tratados em casa. Outro problema é a falta de oxigênio, o preço dos cilindros e equipamentos para respiração disparou, o que aciona o mercado ilícito. Os laboratórios também estão sobrecarregados e isso ocasiona demora de dias para entrega de resultados de exames, o que atrapalha a avaliação dos médicos sobre a evolução da doença. Além dos casos, as mortes também crescem nas filas por um leito hospitalar. Cremações em massa e a céu aberto em grandes fogueiras estão sendo feitas para dar conta do número de vítimas do novo coronavírus. A subnotificação de casos é outra preocupação. Em um crematório de Bhopal, trabalhadores disseram ter cremado mais de 110 pessoas no sábado, enquanto dados do governo apontaram apenas 10 mortes.