Rio de Janeiro vai vacinar toda população adulta de Ilha Grande no final de semana

Objetivo é bloquear circulação do vírus, já que o local é de difícil acesso e não tem hospital público

  • Por Jovem Pan
  • 07/07/2021 08h23 - Atualizado em 07/07/2021 18h01
KEVIN DAVID/A7 PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOLá será aplicada a vacina da Janssen, que precisa de apenas uma dose contra a Covid-19, em toda a população adulta

Uma nova vacinação em massa no Rio de Janeiro vai acontecer no próximo final de semana. No sábado, 10, o governo do Estado vai vacinar a população adulta da Ilha Grande, local turístico e paradisíaco que pertence a cidade de Angra dos Reis, no sul do Estado. Lá será aplicada a vacina da Janssen, que precisa de apenas uma dose contra a Covid-19, em toda a população adulta — estimada em 2,5 mil pessoas. A Ilha tem, no total, 4 mil pessoas em uma estimativa do governo do Estado do Rio de Janeiro. O objetivo dessa vacinação é proteger as pessoas e bloquear a circulação da Covid-19 — diferentemente da vacinação em massa que aconteceu recentemente na ilha de Paquetá, um bairro que pertence à cidade do Rio de Janeiro e está encravado em plena Baía de Guanabara.

A Ilha Grande é um local de difícil acesso, apenas com embarcações, e não há hospital público disponível a população. Enquanto que, em Paquetá, há um posto de saúde da Prefeitura. Em Paquetá, foi utilizada a vacina Oxford/AstraZeneca. O objetivo principal dessa imunização é, justamente, obter dados e informações sobre a imunidade coletiva em um mesmo local. Nesta terça-feira, 6, quem se vacinou no Rio de Janeiro foi o governador do Estado, Claudio Castro. Ele foi imunizado em um posto de saúde montado em um batalhão do Corpo de Bombeiros em Copacabana, na zona sul da capital.

*Com informações do repórter Rodrigo Viga