Ameaça de vazar fotos nuas de Emma Watson era ação de marketing

  • Por Jovem Pan
  • 24/09/2014 11h28

Logo depois de fazer um belo discurso sobre igualdade de gênero na ONU, Emma Watson recebeu ameaças de que supostas fotos dela nua seriam jogadas na internet. “Você é a próxima”, dizia a mensagem, com um relógio fazendo contagem regressiva.

Na manhã desta quarta-feira (24), porém, a mensagem sinistra foi substituída com um link para o site rantic.com, com uma carta ao presidente dos Estados Unidos Barack Obama. “Fomos contratados por celebridades para trazer este problema à tona. Os vazamentos recentes do 4chan nos últimods dois meses tem sido uma invasão de privacidade e uma indicação clara de que a internet PRECISA ser censurada”, diz a mensagem.

A falsa ameaça se tornou viral em poucas horas, com mais de 48 milhões de visitantes na página e 7 milhões de compartilhamentos no Facebook. O site pede assinaturas digitais para fazer um abaixo-assinado para fechar o site 4chan e encoraja visitantes a enviarem uma carta para a Casa Branca, pedindo medidas do governo.