Hassum compara saída da Globo com ‘casamento de 21 anos’ que não estava mais funcionando

  • Por Jovem Pan
  • 28/08/2019 12h41
Jovem PanLeandro Hassum foi o convidado desta quarta-feira (28) no Morning Show

Após 21 anos de contrato fixo, Leandro Hassum decidiu rescindir com a Globo. Mas tudo aconteceu de forma amigável, garantiu o humorista em entrevista ao Morning Show nesta quarta-feira (28), que comparou a saída da emissora com o fim de um casamento.

“[Aconteceu] nas melhores águas possível. Realmente é tirar uma rede de proteção, por causa de salário e tudo o mais, pensei muito antes de fazer isso, mas acho que minha carreira começou a ganhar cores diferentes. Foi tão amigável que eu acho que quando tiver um projeto com a minha cara, eu volto.”

“Às vezes a rede de proteção acaba te limitando por um lado porque você quer fazer alguma coisa e tem que pedir autorização. Não é uma crítica, mas chega uma hora que você quer paquerar outras pessoas. Era um casamento de 21 anos que eu não via mais projetos ali dentro que me enquadrava muito”, explicou o humorista.

Prestes a estrear nos cinemas o longa “O amor dá trabalho”, além de comandar o primeiro talk-show da TNT, Hassum enxerga novas possibilidades dentro do mercado audiovisual brasileiro, apesar de morar nos Estados Unidos há quatro anos.

Os motivos da mudança, ele rebate, não tem nada a ver com uma “vida luxuosa”. “Eu sempre gostei muito [dos EUA] e queria que minha filha tivesse a experiência de estudar fora. (…) Quando digo que posso me dar ao luxo é que posso abrir mão de ter contrato fixo. Posso tentar um projeto no streaming, na TNT, fazer meus filmes, meu show e ainda morar nos Estados Unidor, mas daqui há pouco estar de volta”, explicou.

Apesar da franquia “O Candidato Honesto”, com sátiras políticas, Hassum diz que prefere evitar esse tipo de discussão e até de humor. “Eu escolhi fazer um humor da família, pode até chamar de chapa-branca, termo que não gosto, mas é pra todo mundo se divertir. Se é pra galera começar a reclamar, eu não quero. Quero que todos riam com as minhas piadas.”