Paraisópolis: Doria teve postura de equilíbrio, diz presidente do PSDB-SP

  • Por Jovem Pan
  • 16/12/2019 12h20
Jovem PanMarco Vinholi foi o convidado do Morning Show desta segunda-feira (16)

Em artigo publicado neste domingo (15) no jornal Folha de S. Paulo, o secretário da Segurança Pública do Estado de São Paulo, general João Camilo Pires de Campos, protestou contra generalizações sobre a polícia em continuidade à reação sobre as mortes e questionamentos da atuação policial em Paraisópolis.

Em resposta às declarações do senador Major Olimpio feitas durante entrevista ao Morning Show na semana passada, o secretário estadual de Desenvolvimento Regional e presidente do PSDB-SP, Marco Vinholi, afirmou que o governador João Doria teve uma atitude equilibrada ao lidar com o caso.

“O governador João Doria teve uma postura de equilíbrio. De forma equilibrada ele atendeu aos anseios daquelas famílias que pediram que os policiais fossem afastados para averiguação. Eles não são culpados, foram afastados e estão cumprindo serviços administrativos”, disse nesta segunda-feira (16) à bancada do Morning Show.

Vinholi reiterou que a Corregedoria da Polícia Militar e a Delegacia De Homicídios E Proteção À Pessoa (DHPP) seguem investigando a ação dos policiais. “Não podemos generalizar a ação da polícia, que tem melhorado todos os seus índices. É evidente que quando acontece uma situação como essa nós temos que investigar de forma isenta.”