Atentado mata quatro membros do serviço de inteligência do Afeganistão

  • Por Agencia EFE
  • 04/01/2014 05h59

Cabul, 4 jan (EFE).- Uma explosão matou quatro membros do serviço de inteligência do Afeganistão após a passagem do veículo no qual viajavam sobre uma mina terrestre na província de Khost, no leste do país, informou neste sábado uma fonte oficial.

A explosão aconteceu ontem na área de Khalbisat e a mesma matou o chefe local do serviço de inteligência e mais três membros de sua equipe, disse à agência afegã “AIP” o porta-voz do governo provincial, Baryalay Rawan.

O porta-voz da insurgência talibã, Zabiullah Mujahid, reivindicou a ação, de acordo com a “AIP”.

As minas e os artefatos explosivos improvisados (IED) são, junto com os atentados suicidas, os métodos de ataque mais utilizados pelos talibãs contra as forças afegãs e internacionais, mas na prática causam um elevado número de vítimas civis.

No Afeganistão está em andamento o processo de retirada das tropas internacionais, que deve ser concluído em 2014 se forem cumpridos os prazos previstos. EFE