Bombardeio contra cidade síria controlada pelo EI deixa 13 mortos

  • Por Agencia EFE
  • 28/09/2015 21h23

Beirute, 28 set (EFE).- Pelo menos 13 pessoas morreram nesta segunda-feira e outras 50 ficaram feridas em um bombardeio supostamente perpetrado pela aviação do regime do presidente sírio, Bashar al Assad, contra a cidade de Al Mayadin, controlada pelo grupo terrorista Estado Islâmico (EI).

O Observatório Sírio de Direitos Humanos precisou que os mortos são três menores, uma idosa, um homem e outras oito pessoas cujas identidades ainda não foram confirmadas.

O ataque aconteceu contra um mercado de Al Mayadin, que está situada no leste da província nordeste síria de Deir ez Zor, fronteiriça com o Iraque.

Os jihadistas proclamaram no final de junho de 2014 um califado na Síria e Iraque, onde tomaram amplas partes do norte e o centro de ambos países.

No mês seguinte, os jihadistas tomaram o controle de quase toda a província de Deir ez Zor, exceto de alguns bairros de sua capital homônima e do aeroporto militar, em poder das forças do regime sírio. EFE