Edu Moreira: Há um erro conceitual na PEC do teto de gastos

  • Por Jovem Pan
  • 27/09/2018 10h31 - Atualizado em 27/09/2018 10h42
PixabayA soma destes gastos não pode exceder o número de 2016 corrigido pela inflação

Existe erro conceitual na PEC do Teto de Gastos. É erro matemático. A PEC congelou os gastos não financeiros do país. A soma destes gastos não pode exceder o número de 2016 corrigido pela inflação. O número divulgado do IGP-M mostra que ele variou mais que o dobro da inflação neste ano.

Confira o comentário completo de Eduardo Moreira: