Frente al Nusra captura base do regime sírio perto das Colinas de Golã

  • Por Agencia EFE
  • 29/09/2015 08h43

Beirute, 29 set (EFE).- A Frente al Nusra, grupo rebelde sírio ligado à Al Qaeda, tomou na noite de segunda-feira o controle de uma base do exército regular da Síria no norte da província de Al Quneitra, próxima dos limites com as Colinas de Golã, que são ocupadas por Israel, informou nesta terça-feira o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

O OSDH detalhou que a Frente al Nusra e outras facções aliadas assumiram o controle de uma base pertencente à brigada 90 das Forças Armadas da Síria, próxima também da fronteira administrativa com a província de Rif Damasco.

Em paralelo, os radicais enfrentaram os efetivos governamentais nas imediações do povoado de Al Hadr, em Al Quneitra, onde a aviação militar bombardeou a área dos combates.

A Frente al Nusra e os outros rebeldes conseguiram capturar vários veículos blindados e armas pesadas das forças do regime, e lançaram foguetes contra a região de Khan Arnaba, também em Al Quneitra e controlada pelas autoridades sírias.

No último fim de semana, dois projéteis provenientes dos enfrentamentos na Síria caíram no norte das Colinas de Golã, que são ocupadas por Israel desde 1967, segundo o exército israelense.

As forças israelenses responderam com o lançamento de três foguetes, que não causaram vítimas, e caíram no norte de Al Quneitra, na base do batalhão do exército sírio.

Estes incidentes se tornaram comuns desde a explosão do conflito na Síria em março de 2011. EFE