George Clooney deixa posto de Mensageiro da Paz das Nações Unidas

  • Por Agencia EFE
  • 28/04/2014 20h57

Nações Unidas, 28 abr (EFE).- O ator americano George Clooney deixou seu posto como Mensageiro da Paz das Nações Unidas, confirmou nesta segunda-feira Stéphane Dujarric, o porta-voz do secretário- geral da ONU, Ban Ki-moon.

Dujarric indicou que Clooney já não exerce mais a função, que assumiu em 2008 para promover as operações dos “capacetes azuis” da ONU.

Ban nomeou o ator Mensageiro da Paz por seu reconhecido trabalho para chamar a atenção pública sobre temas cruciais da política internacional e por seus esforços em favor de vítimas de conflitos como o da região sudanesa de Darfur.

Como representante da ONU, Clooney visitou países como a República Democrática do Congo e o Sudão do Sul.

Dujarric foi perguntado hoje sobre Clooney após a notícia do noivado do ator com a advogada britânica de origem libanesa Amal Alamuddin, divulgada no fim de semana pela revista “People”.

Clooney, que se divorciou da atriz Talia Balsam em 1993 após quatro anos de casamento, sempre chamou a atenção por ser um dos solteiros mais convictos de Hollywood.

Em dezembro o ator, de 52 anos, garantiu em entrevista a “Esquire” que não tinha a intenção de fazê-lo de novo: “Nunca tive aspirações nesse sentido. Casei em 1989 e não me caiu muito bem”.

Alamuddin, de 36, é advogada e ativista especializada em direito internacional e direitos humanos. Ela nasceu em Beirute e estou em Londres e Nova York. EFE