Jamaicanas passam EUA nos últimos metros e levam ouro nos 4x400m após 14 anos

  • Por Agencia EFE
  • 30/08/2015 10h38

Pequim, 30 ago (EFE).- Depois de 14 anos de jejum, a equipe feminina da Jamaica voltou a conquistar título mundial do revezamento 4×400 metros após derrotar o quarteto dos Estados Unidos nos metros finais, em uma das provas mais disputadas da história.

As jamaicanas, que ficaram com a prata nos Mundiais de Daegu (2011) e Berlim (2009) depois de derrota para as americanas, conseguiram uma esperada revanche após serem desclassificadas antes mesmo de disputarem a decisão em Moscou (2013).

Christine Day, Shericka Jackson, Stéphanie Ann McPerson e Novlene Williams-Mills foram as responsáveis por garantir o ouro no revezamento, que não era conquistado desde Edmonton (2001), com o tempo de 3m19s13, muito próximo dos 3m19s44 das oponentes.

As jamaicanas partiram na frente desde o início, abrindo uma ampla vantagem para as rivais com Shericka Jackson. A americana Alysson Felix, porém, recebeu o bastão na terceira passagem e conseguiu uma virada incrível, deixando a companheira Francena McCorory em boas condições de confirmar mais um título.

Williams-Mills, no entanto, se recuperou a desvantagem de forma espetacular. Nos últimos metros, forçou o ritmo e ultrapassou a adversária, que não tinha condições de acompanhá-la, confirmando a vitória no Mundial após 14 anos.

A Grã-Bretanha ficou com a medalha de bronze, ao terminar a prova com 3m23s62, à frente da equipe da Rússia, campeã em Moscou, mas que teve que se contentar com a quarta posição em Pequim. EFE