Marco Antonio Villa: Resultados, até agora, em Davos são animadores

  • Por Jovem Pan
  • 23/01/2019 10h18
EFEFoi uma espécie de cartão de visita. Lá a ideia era cumprir tabela e não cometer erros

O mês de janeiro é um mês de certa tranquilidade política e otimismo por parte do Governo. O cenário ainda é de céu de brigadeiro. A passagem de Jair Bolsonaro por Davos não passou de apresentação breve dos princípios do Governo. A ida de Paulo Guedes e Sergio Moro também apresentam o Brasil ao exterior. Foi uma espécie de cartão de visita. Lá a ideia era cumprir tabela e não cometer erros. Por sua vez, Ernesto Araújo, tem leitura equivocada de mundo. Neste sentido, o conjunto da visita tem a crônica de costumes.

Confira o comentário completo de Marco Antonio Villa: