Segue a crise na Venezuela com o aval de partidos brasileiros

  • Por Jovem Pan
  • 03/08/2017 08h18
Maduro usa métodos questionáveis para contornar crise política e se manter no poder

Nicolás Maduro adia para esta sexta-feira a instalação da Assembleia Constituinte.

A União Europeia rejeitou o projeto do presidente da Venezuela, mas não anunciou sanções, já o Mercosul discutirá no sábado a situação do país.

Marco Antonio Villa comenta: O Mercosul só não tomou ainda uma atitude porque o Uruguai foi contra. Alguns partidos como PT, PCdoB e PSOL soltaram notas defendendo a ditadura do Maduro. Eles queriam transformar o Brasil em uma Venezuela. Perderam.