Prometeu, não cumpriu: Aécio e Anastasia prometeram obras de contenção de enchentes em Ouro Preto

  • Por Jovem Pan
  • 26/11/2015 21h35 - Atualizado em 06/07/2017 17h03
OURO PRETO, MG, 03.01.2012: DESABAMENTO/RODOVIÁRIA - Um grande deslizamento de terra atingiu a rodoviária de Ouro Preto, região central do estado de Minas Gerais. O acidente ocorreu por volta da 0h15 desta terça-feira e um grande volume de terra interditou completamente a rua Padre Rolim, onde um hotel também foi atingido. De dois taxistas que estavam na rodoviaria, só um corpo foi encontrado, outro carro que passava pela via no momento do deslizamento pode estar soterrado.Todo o efetivo do Corpo de Bombeiros local e equipes de Belo Horizonte foram mobilizadas e trabalham em conjunto com a Defesa Civil. A falta de energia elétrica e a chuva dificultam ainda mais as buscas. Uma mineradora da região disponibilizou maquinário para ajudar na remoção da terra. (Foto: Eduardo Tropia/Ouropress/O Tempo/Folhapress)Ouro Preto

A promessa virou um vício na política brasileira. Os políticos prometem como se não houvesse amanhã. Mas a Jovem Pan está de olho em quem “prometeu e não cumpriu”.

Tem promessa que é feita no ritmo de milhões. Foi assim quando o hoje senador e então governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, visitou a cidade de Ouro Preto após uma enchente trágica. E ele não prometeu sozinho. Levou o senador Aécio Neves a tiracolo, que disse ter trâmites burocráticos na chegada dos recursos para as obras na cidade. Obras de contenção de enchentes em Ouro Preto não foram feitas.

*Ouça o áudio completo