Vera Magalhães: Aumento de rejeição de Haddad fomenta possibilidade de Bolsonaro vencer em 1º turno

  • Por Jovem Pan
  • 02/10/2018 08h05 - Atualizado em 02/10/2018 09h17
Janine Moraes/Agência CâmaraÉ possível dizer com segurança que nada mais tira o candidato do PSL do segundo turno

O #EleSim prevaleceu neste fim de semana, mas a quantificação de manifestantes é irrelevante. Com o Ibope, tendo em vista que Jair Bolsonaro viveu sua semana de maior quantidade de ataques, ele cresceu três pontos. Isso mostra uma candidatura consolidada.

É possível dizer com segurança que nada mais tira o candidato do PSL do segundo turno, e que passou a ser maior a possibilidade de ele ganhar em primeiro turno por conta de maior rejeição ao PT.

O Ibope mostrou um galope na rejeição ao Fernando Haddad, ela subiu 11 pontos em uma semana, quase se igualando a de Jair Bolsonaro. A coisa virou plebiscitária e o segundo turno, se houver, será decidido com base em quem tem menor rejeição.

Todo o acervo produzido por petistas deve reforçar a campanha de Bolsonaro por decisão em primeiro turno, já no dia 07 de outubro.

Confira o comentário completo de Vera Magalhães: