Vera: Tentar votar novamente sobre Coaf seria erro político grave

  • Por Jovem Pan
  • 29/05/2019 08h20
Marcos Corrêa / Presidência da RepúblicaJair Bolsonaro mandou carta a senadores afirmando que está satisfeito com Coaf na Economia

Coaf fica na pasta da Economia e isso significa que foi necessário negociar, chegar a um meio termo para evitar que houvesse uma derrota do governo mais profunda. Ontem, o presidente Jair Bolsonaro encaminhou aos senadores uma carta assinada por ele, pelo ministro Paulo Guedes e por Sergio Moro dizendo que o governo estava conformado com a decisão da Câmara de devolver o Coaf ao Ministério da Economia e que por tanto não fizessem disso um cavalo de batalha porque isso ameaçaria o conjunto de medida provisória.

Mas ainda depois disso, havia senadores, principalmente no PSL e outros partidos como Podemos, dispostos a comprar briga e a restabelecer o Coaf ao Ministério da Justiça. Isso seria um erro político grave porque a MP teria de voltar pra Câmara e não haveria ambiente nenhum para que os deputados, depois de terem votado esse assunto e serem submetidos ao escrutínio das manifestações das ruas, quererem votar novamente uma medida prestes a caducar.

Confira o comentário completo abaixo: