Maílson da Nóbrega ressalta a importância da aprovação da PEC Emergencial e de outras reformas

Ex-ministro da Fazenda diz que reforma do pacto federativo também deve ser priorizada, junto com a administrativa e a tributária

  • Por Jovem Pan
  • 08/03/2021 14h22
Reprodução/Jovem PanMaílson da Nóbrega defende a redução da jornada de trabalho dos servidores públicos

Jovem Pan está sempre atenta aos desafios e às necessidades do Brasil. Nos posicionamos em momentos decisivos e por isso, novamente, nos colocamos em defesa das reformas e dos projetos fundamentais para o desenvolvimento do país. Para isso, convidamos empresários, lideranças e autoridades para agir, juntos, em prol do futuro da nação. O Brasil não pode mais esperar. “As reformas importantes nessa área são a emergencial que vai permitir a redução da jornada de trabalho dos servidores públicos com a correspondente redução de salários e a reforma do pacto federativo, que vai reestruturar as relações financeiras entre as três esferas de governo. Em seguida, vêm as reformas com o objetivo de melhorar a operação do setor público e melhorar a prestação de serviços à sociedade. Nesse caso, é a reforma administrativa. Em terceiro lugar, a reforma tributária, cujo objetivo é aumentar o potencial de crescimento do país”, analisa o ex-ministro da Fazenda Maílson da Nóbrega.

Acompanhe a cobertura especial da campanha na página especial do site da Jovem Pan. Clique AQUI.