Para José Jacobson Neto, reformas deixarão país melhor para gerações futuras

Presidente da Associação Brasileira de Empresas de Segurança e Vigilância pede união dos três Poderes para que mudanças estruturais sejam implementadas no país

  • Por Jovem Pan
  • 30/03/2021 13h07
Reprodução/Jovem PanJosé Jacobson Neto acredita que as reformas propiciarão maior geração de empregos no setor de segurança privada

Jovem Pan está sempre atenta aos desafios e às necessidades do Brasil. Nos posicionamos em momentos decisivos e por isso, novamente, nos colocamos em defesa das reformas e dos projetos fundamentais para o desenvolvimento do país. Para isso, convidamos empresários, lideranças e autoridades para agir, juntos, em prol do futuro da nação. O Brasil não pode mais esperar. “As reformas tributária e administrativa são irmãs gêmeas. Elas precisam acontecer. Para tanto, há necessidade de que os três Poderes da nação, Executivo, Judiciário e Congresso, se unam, tenham muita coragem. O momento urge, é preciso que isso aconteça. Nós, do setor de serviços, da área de segurança privada, temos encargos sociais absurdos. Isso faz com que não tenhamos uma geração de emprego maior. Se isso acontecer, teremos crescimento, seremos geradores de empregos diretos, carteiras assinadas, fazendo com que nossos filhos tenham um mundo melhor. Isso é muito importante. O Brasil espera que todos contribuam, cada um com sua participação, por uma geração melhor e futura”, disse José Jacobson Neto, presidente da Associação Brasileira de Empresas de Segurança e Vigilância (Abrevis).

Acompanhe a cobertura especial da campanha na página especial do site da Jovem Pan. Clique AQUI.