Veja como utilizar o Feng Shui para harmonizar a decoração

É possível usar elementos para trazer charme e equilíbrio a qualquer tipo de ambiente

  • Por EdiCase
  • 01/06/2023 18h30
O Feng Shui promove harmonia e equilíbrio na decoração O Feng Shui promove harmonia e equilíbrio na decoração Imagem: Followtheflow | Shutterstock

O Feng Shui é uma antiga prática chinesa que busca harmonizar os ambientes por meio da decoração, visando promover equilíbrio e bem-estar. Para os ambientes residenciais, a designer de interiores Linna Li esclarece que a técnica chinesa pode ser aplicada independentemente do estilo de decoração escolhido.

A profissional explica que, considerando a energia individual do morador, é possível aplicar diferentes cores aos ambientes. No caso da energia mutável dos cosmos, “os elementos de equilíbrio podem ser pequenos objetos ou enfeites que ficam integrados ou discretos em relação à linguagem estética de qualquer espaço”, acrescenta.

Objetos e itens decorativos

Objetos e outros itens decorativos são fundamentais para a decoração de uma casa. Afinal, são eles que deixam os ambientes com a cara do morador. Na Escola das Estrelas Voadoras, uma das mais populares no Ocidente e que utiliza o baguá para a interpretação dos ambientes, segundo a designer de interiores Linna Li, “para a energia individual, as cores e elementos de equilíbrio são os mais importantes, pois é uma energia imutável – de nascença”.

Para as energias externas, ela explica que os itens variam de acordo com a entrada de energia de cada ponto cardeal. “A cada ano lunar eles mudam, mas os mais constantemente empregados são: flautas de madeira, sinos dos ventos, potes de vidro com água, pedras e cristais, plantas, moedas de bronze e símbolos de animais”, lista.

A escolha dos objetos decorativos reflete as emoções e as intenções do morador (Imagem: Ground Picture | Shutterstock)

Escolha particular

Para a consultora e professora de Feng Shui Adriana Di Lima, a escolha de objetos e itens decorativos para os ambientes é algo muito particular e que costuma variar de pessoa para pessoa, pois depende da análise feita por um profissional de Feng Shui sobre o morador da casa.

“Essa referência é muito pessoal e considera-se as emoções e as intenções do morador e das pessoas que estão inseridas naquele local. O seu sentir é o que comandará, de forma mais efetiva, o que deve e o que não deve se colocar no local”, afirma.

Ainda de acordo com Adriana Di Lima, as análises podem ser feitas de acordo com as necessidades do morador e trazer referências dos 5 elementos da tradição chinesa: água, metal, fogo, madeira e terra.

Comentários

Conteúdo para assinantes. Assine JP Premium.