Por espalhar informação falsa sobre urna, mesária é detida no Paraná

  • Por Jovem Pan
  • 07/10/2018 14h30
DivulgaçãoZerésima foi apresentada pelos mesários para provar que não havia votos registrados na urna

Uma mesária, que não teve a identidade divulgada, foi detida na manhã deste domingo (7), na cidade de Maringá, no Paraná. Ela foi responsável por propagar informações falsas sobre o processo eleitoral na seção onde iria trabalhar.

A mesária disse aos eleitores presentes na fila que a urna eletrônica de sua seção teria votos registrados antes da votação ter sido iniciada. Os demais mesários a desmentiram e apresentaram o “zerésima”, boletim de urna emitido quando a urna é ligada.

O documento, que estava assinado por todos os mesários que trabalhavam na seção, mostrava que não havia votos registrados na urna eletrônica, esclarecendo a informação falsa que estava sendo espalhada na seção.

Mesmo assim, a mesária que fez a acusação de fraude insistiu em espalhar o boato, que chegou a ser reproduzido no WhatsApp e redes sociais. A Polícia Federal então agiu, deteve a mesária e a conduziu para prestar depoimento.