Em busca do segundo turno, Alckmin tentará convencer indecisos

  • 06/10/2018 14h47
Charles Sholl/Estadão ConteúdoNo último dia de campanha, Geraldo Alckmin busca os votos dos indecisos

Na reta final da campanha, Geraldo Alckmin (PSDB) afirmou neste sábado (6) que busca converter os votos daqueles que ainda não decidiram em quem votar. O candidato, que esteve em Bauru, no interior de São Paulo, disse que seu objetivo é ir para o segundo turno.

“Até hoje, vamos pedir voto, fazer campanha, tentar convencer os eleitores indecisos. Política é sempre convencimento. Democracia são argumentos. Quem decide é o povo, ele é o grande juiz. Amanhã quem fala é o povo. Estamos empatados no terceiro lugar, trabalhando para ir para o segundo lugar”, afirmou o ex-governador de São Paulo. Nas pesquisas, ele aparece atrás de Jair Bolsonaro (PSL), Fernando Haddad (PT) e Ciro Gomes (PDT).

O candidato também fez promessas direcionadas à saúde, como a reabertura de leitos do SUS. “Vamos reabrir os 30 mil leitos do SUS fechados por falta de verba e reajustar a tabela do sistema, dando um respiro às Santas Casas e hospitais beneficentes, além de atender melhor a população”, disse. À tarde, Alckmin cumpre agenda em São Paulo, na recém inaugurada linha lilás do metrô, estação Santa Cruz.