Ibope: Bolsonaro sobe para 36%, Haddad cai para 22%

  • Por Jovem Pan
  • 06/10/2018 20h43 - Atualizado em 06/10/2018 20h51
MontagemJair Bolsonaro segue na liderança na última pesquisa Ibope antes do primeiro turno

A pesquisa Ibope divulgada neste sábado (6) mostra que Jair Bolsonaro (PSL) segue na liderança nas intenções de voto, com 36% dos votos totais, seguido por Fernando Haddad (PT), com 22%, e Ciro Gomes (PDT), com 11%.

Veja abaixo os números:

Jair Bolsonaro (PSL): 36%
Fernando Haddad (PT): 22%
Ciro Gomes (PDT): 11%
Geraldo Alckmin (PSDB): 7%
Marina Silva (Rede): 3%
João Amoedo (Novo): 2%
Henrique Meirelles (MDB): 2%
Cabo Daciolo (Patriota): 2%
Alvaro Dias (Podemos): 1%
Guilherme Boulos (PSOL): 1%
Brancos/nulos: 7%
Não souberam/não responderam: 5%

Entre os votos válidos, excluindo brancos e nulos, Bolsonaro aparece com 41%, contra 25% de Haddad e 13% de Ciro. Para vencer no primeiro turno, o candidato do PSL precisa somar 50% dos votos válidos mais um voto.

Segundo turno e rejeição

O Ibope ainda simulou cenários de segundo turno. Bolsonaro aparece empatado com Fernando Haddad e Ciro Gomes no limite da margem de erro. Contra o PTista, o ex-capitão tem vantagem numérica, mas tem desvantagem contra Ciro. Veja os números abaixo:

Bolsonaro x Haddad
Jair Bolsonaro: 45%
Fernando Haddad: 41%

Bolsonaro x Ciro
Jair Bolsonaro: 41%
Ciro Gomes: 45%

Bolsonaro x Alckmin
Jair Bolsonaro: 43%
Geraldo Alckmin: 40%

A pesquisa também mostra quais são os candidatos mais rejeitados pelos eleitores. Jair Bolsonaro lidera o ranking com 43%, seguido por Fernando Haddad com 36%. Veja abaixo os números completos:

Jair Bolsonaro: 43%
Fernando Haddad: 36%
Marina Silva: 22%
Geraldo Alckmin: 16%
Ciro Gomes: 15%
Henrique Meirelles: 10%
Alvaro Dias: 9%
Cabo Daciolo: 9%
Guilherme Boulos: 9%
Eymael: 8%
João Amoedo: 8%
Vera Lúcia: 7%
João Goulart Filho: 6%
Poderia votar em todos: 2%
Não souberam/não opinaram: 7%

A pesquisa do Ibope ouviu 3.010 eleitores em 208 municípios entre esta sexta-feira (5) e este sábado (6). A pesquisa 2 pontos percentuais de margem de erro e nível de confiança de 95%, e está registrada no TSE sob BR-01537/2018.