Propaganda da coligação do PT coloca Lula em evidência e volta a contestar decisão do TSE

  • Por Jovem Pan
  • 04/09/2018 13h40 - Atualizado em 04/09/2018 16h09
Reprodução"Eles sabem que nós fizemos um Brasil melhor, e isso é possível a gente devolver pro povo”, diz Lula no vídeo

O programa eleitoral da coligação “O Povo Feliz de Novo” foi divulgado nesta terça-feira (04) no perfil oficial do ex-presidente Lula no Twitter. Mais uma vez, o partido mostrou discordar da decisão do Tribunal Superior Eleitoral que indeferiu o pedido de registro de candidatura do petista.

“A ONU já decidiu: Lula pode ser candidato. Mesmo assim o registro foi negado. A coligação ‘O Povo Feliz de Novo” vai seguir lutando pelo direito de Lula ser candidato e ser eleito presidente”, traz o início do vídeo.

Em seguida, um texto é narrado pelo ex-presidente petista: “O povo brasileiro não é bobo, o povo sabe o que aconteceu no período que governamos esse país. Esse povo sorria, esse povo comia, esse povo trabalhava, recebia salário, estudava. Eles sabem que nós fizemos um Brasil melhor, e isso é possível a gente devolver pro povo”.

Mostrado ainda como “vice-presidente”, Fernando Haddad diz que quem persegue Lula, persegue o povo. O ex-prefeito de São Paulo tem sua imagem gravada em frente à Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, onde Lula permanece preso “Ele está preso enquanto o Governo Temer bagunça o país, corta direitos do povo e entrega nossas riquezas aos estrangeiros. Faço aqui juramento de lealdade à Lula. Não vamos descansar, vamos libertar os brasileiros de toda essa injustiça”.

Em seguida, a já conhecida música “Olha lá, aquela estrela que tentaram apagar”, vem acompanhada de parte de pronunciamento de Lula: “os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a chegada da Primavera”.

Ao fim, encerram com: “Lula é Haddad, é o povo, é o Brasil Feliz de Novo”.

Confira o vídeo completo: