Major Olímpio diz que Doria é ‘de esquerda’ e declara voto em Márcio França

  • Por Jovem Pan
  • 17/10/2018 17h59
Gabriela Korossy/Câmara dos Deputados"Não alimento meu carrasco", disparou

Eleito senador por São Paulo, Major Olímpio (PSL) afirmou nesta quarta-feira (17) que votará em Márcio França (PSB) e não em João Doria (PSDB) no segundo turno da eleição para o governo do estado. De acordo com ele, ambos os candidatos o desagradam por ser “de esquerda”, mas o tucano representa um partido “responsável pela morte de policiais e agentes penitenciários”.

“O PSL está neutro em São Paulo. O presidente Jair Bolsonaro declarou neutralidade nesse processo”, disse. “Eu não estou apoiando. Eu disse que vou votar no Márcio França, e no segundo turno você vota por exclusão. Os dois são de esquerda, só que um é do PSDB, responsável direta ou indiretamente na ação ou omissão pela morte de policiais e agentes penitenciários por 24 anos no estado. E eu só disse que não alimento meu carrasco”.

Diferente do que diz Olímpio, Doria tenta crescer nas pesquisas dizendo ser o “único candidato anti-petista” na disputa e atrelando seu concorrente à esquerda.

*Com informações do Estadão Conteúdo