Acidente faz integrantes da Unidos da Tijuca abandonarem desfile

  • Por Jovem Pan com Estadão Conteúdo
  • 28/02/2017 07h50
RJ - CARNAVAL-UNIDOS-TIJUCA-ACIDENTE-CARRO-ALEGÓRICO - GERAL - Carnaval RJ 2017. Acidente com carro alegórico antes do Desfile da escola de samba Unidos da Tijuca, válida pelo Grupo Especial, no Sambódromo Marquês de Sapucaí no Rio de Janeiro (RJ), nesta terça-feira (28). 28/02/2017 - Foto: DHAVID NORMANDO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDOAcidente faz integrantes da Unidos da Tijuca abandonarem desfile - AE

Integrantes da Unidos da Tijuca tiveram que abandonar o desfile por causa dos problemas no carro alegórico que representava New Orleans. Há 15 feridos, sendo que cinco foram transferidos para hospitais. Entre as vítimas, uma teve traumatismo craniano e outra traumatismo abdominal. 

“Estou muito assustada. Estava na parte de baixo do carro. Ouvi um barulho de algo caindo e o cheiro de queimado. O público que avisou a gente”, disse a assistente administrativa Nivea Vieira, de 44 anos. Ela era um dos destaques da parte debaixo do carro alegórico.

O nutricionista André Luis de Carvalho, 32, também era um dos destaques. Logo após o acidente, estava chorando ao lado dos amigos. “Parece que duas pessoas caíram, só escutei um barulho muito alto, foi assustador”, afirmou.

Ele contou que conhecia as vítimas dos ensaios da escola, mas não sabe o nome delas. “É muito triste, mas vamos lutar. Não vamos perder a esperança. É a minha escola que eu amo muito”, afirmou.

O administrador Gil Braz, 50, também estava no carro alegórico. Ele também relatou um forte estouro. “Começaram a gritar para o carro parar. Foi uma situação desesperadora”, contou.

A secretária Suzane Pereira, de 38 anos, estava assistindo o desfile no setor 1. “Foi horrível, caiu e agora está pegando fogo lá em cima (do carro). Tem gente ferida, um susto enorme. Não vim ontem, mas essa confusão de hoje é igual ou pior”, disse.