Beija-Flor emociona na busca de seu 15º título no carnaval da Sapucaí

  • Por Jovem Pan
  • 04/03/2019 05h09
CELSO PUPO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDOClaudia Raia desfilou em carro e foi um dos destaques do desfile da Beija-Flor em 2019

A Beija-Flor de Nilópolis, atual campeã do carnaval carioca, celebrou os seus 70 anos de história fazendo um paralelo com as fábulas de Esopo. O desfile aconteceu na madrugada desta segunda (4), na Sapucaí.

A escola foi a quarta agremiação a passar pela avenida, levando o enredo “Quem não viu, vai ver as fábulas do beija-flor”. A narrativa foi desenvolvido por uma comissão de carnavalescos formada por Victor Santos, Bianca Behrends, Rodrigo Pacheco, Léo Mídia, Cid Carvalho e Válber Frutuoso.

A Beija-Flor tem 14 títulos no total, atrás somente da Portela e Mangueira, e durante o desfile relembrou seus melhores momentos. A comissão de frente ficou responsável por remontar os primeiros anos da escola, quando era apenas um bloco de rua.

Claudia Raia foi um dos grandes destaques da agremiação, por qual desfila desde 1984. A atriz transformou-se numa raposa para assumir a frente do carro “A raposa e as uvas”, que exaltou os enredos com sátiras políticas. Isabella Santoni e Jojo Todynho foram outras artistas que saíram com a Beija-Flor neste ano.

Com 3.500 componentes, o desfile da escola dividiu-se em cinco alegorias. A escola ficou próxima de estourar o tempo e, por isso, a evolução foi prejudicada ao precisar acelerar o ritmo no final do cortejo.