Caso Alec Baldwin: ator é absolvido por tiro fatal em set de gravações

Artista utilizou as suas redes sociais e agradeceu à decisão do do órgão que investiga o caso; disparo foi considerado acidental

  • Por Jovem Pan
  • 20/04/2022 21h19
Reprodução/Instagram/alecbaldwininsta/22.10.2021 Alec Baldwin Alec Baldwin atirou acidentalmente no set de filmagens do longa-metragem 'Rust'

O ator norte-americano Alec Baldwin, de 64 anos, foi considerado inocente do tiro fatal disparado na diretora de cinema, Halyna Hutchins, pelo órgão que investiga o caso, o Escritório de Saúde e Segurança Ocupacional do Novo México. Em suas redes sociais, o artista agradeceu à decisão que o absolve. No comunicado divulgado por Baldwin, o escritório alegou que o ator “acreditava que a arma continha apenas munições falsas” e que “o relatório reconhece que a autoridade do Sr. Baldwin na produção foi limitada à aprovação de mudanças de roteiro e elenco criativo. O Sr. Baldwin não tinha autoridade sobre os assuntos que foram objeto das constatações de violações, e estamos satisfeitos que os funcionários do Novo México tenham esclarecido essas questões críticas”. No dia 21 de outubro do último ano, Baldwin atirou por acidente com uma arma cenográfica contra uma diretora de fotografia, que faleceu; e o diretor, que apenas teve ferimentos leves. No lugar de um projétil falso, haviam balas reais que causaram o óbito da profissional.