Depois de irmã, criadora de “Sense 8” assume ser transexual: “tenho sorte”

  • Por Jovem Pan
  • 09/03/2016 17h40
Lilly Wachowski

Aproveitando o embalo do Dia da Mulher, a cineasta norte-americana Lilly Wachowski, co-diretora de “Matrix” e criadora da série “Sense 8”, assumiu nesta terça-feira (8) ser transexual. No jornal LGBT “Windy City Times”, ela publicou uma carta em que fez um grande desabafo sobre a sua sexualidade, destacando que não é fácil ser trans.

“Vivemos num mundo que reforça majoritariamente a orientação de gênero binária. O que significa que quando você é trans você tem que encarar a dura realidade de viver o resto de sua vida em um mundo hostil contra você”, disse Lilly, antes conhecida como Andy.

“E eu tenho sorte. Tenho o suporte de minha família e os meios de arcar com médicos e terapeutas que me deram a chance de realmente sobreviver a este processo. Pessoas transgêneras sem suporte, meios ou privilégios não possuem este luxo”, acrescenta a cineasta no texto.

“Então, sim, sou transgênera. E sim, fiz a transição. Já me revelei para amigos e familiares. E também para as pessoas com quem trabalho. Todos estão felizes com isso. (…) Sem o suporte de minha esposa, amigos e familiares, eu não estaria aqui hoje”, encerra a criadora de “Sense 8”, que terá sua segunda temporada lançada pela Netflix ainda em 2016.